Do Jeito Que A Vida Quer


Do Jeito Que A Vida Quer / Como Dizia O Mestre - Ao Vivo No Rio De Janeiro / 2009

(Benito Di Paula)

Letra:
Ninguém sabe a mágoa que trago
No peito, e quem me vê sorrir desse jeito
Nem sequer sabe a minha solidão

É que meu samba me ajuda na vida
Minha dor vai passando esquecida
Vou vivendo essa vida do jeito que ela me levar (2x)

Vamos falar de mulher
Da morena e dinheiro
Do batuque do surdo
E até do pandeiro
Mas não fale da vida
Que você não sabe o que eu já passei

Moço
Aumente esse samba que o verso não para
Batuque mais forte e a tristeza se cala
E eu levo essa vida do jeito que ela me levar

É do jeito que a vida quer
É desse jeito...(2x)

É, acaba a valentia de um homem
Quando a mulher que ele ama vai embora
É, tanta coisa muda nessa hora
Que o mais valente dos homens chora

É, acaba a valentia de um homem
Quando a mulher que ele ama vai embora
É, tanta coisa muda nessa hora
Que o mais valente dos homens chora

Diz que faz e acontece
Que não tem medo de nada
Levanta a voz, fala alto
Maltrata a mulher amada
E quando ela cisma e vai embora
A montanha se desmancha
E o mais valente dos homens
Chora como criança

É, acaba a valentia de um homem
Quando a mulher que ele ama vai embora
É, tanta coisa muda nessa hora
Que o mais valente dos homens chora

É, acaba a valentia de um homem
Quando a mulher que ele ama vai embora
É, tanta coisa muda nessa hora
Que o mais valente dos homens chora

Diz que faz e acontece
Que não tem medo de nada
Levanta a voz, fala alto
Maltrata a mulher amada
E quando ela cisma e vai embora
A montanha se desmancha
E o mais valente dos homens
Chora como criança


Direção e Produção: Darcy BurgerMusic video by Benito Di Paula performing Do Jeito Que A Vida Quer / Como Dizia O Mestre. © 2009 EMI Records Brasil Ltda


Postar um comentário

0 Comentários