MANCHETES

audima

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019

Papa nomeou novo cardeal camerlengo para dirigir Vaticano em período de transição papal





CIDADE DO VATICANO (Reuters) - O papa Francisco nomeou o cardeal irlandês-norte-americano Kevin Farrell nesta quinta-feira como o novo camerlengo, o prelado que administra o Vaticano entre a morte ou renúncia de um pontífice e a eleição de um novo.

Farrell, que tem 71 anos, nasceu na Irlanda e é o norte-americano mais graduado do Vaticano, sucede o cardeal francês Jean-Louis Tauran, que morreu em julho.

O camerlengo, ou camareiro, cuida dos assuntos cotidianos da Cidade-Estado do Vaticano durante o período conhecido como “sede vacante”.

Embora o cargo esteja imbuído de tradições e rituais, ele não pode tomar grandes decisões nem mudar os ensinamentos da Igreja.

No caso da morte de um papa, o camerlengo é a pessoa que a confirma de maneira oficial, tradicionalmente batendo de leve na cabeça do pontífice três vezes com um martelo de prata e chamando seu nome. Depois ele lacra a residência e o escritório papais.

Em 2013, Bento 16 se tornou o primeiro papa em seis séculos a renunciar, e Tauran iniciou suas funções no dia em que a renúncia entrou em vigor. Francisco, de 81 anos, parece estar com boa saúde.

Por Philip Pullella