Navigation Menu

A loja física morreu? Ana Saragoça, diretora da agência de marketing digital Creation 3 comenta



Ser visto e lembrado é fundamental para atrair clientes. Compras acontecem com a confiança do consumidor e utilizar o marketing para aumentar a base é um excelente recurso, mas o marketing online não tem que competir com a versão offline. A união das estratégias consolida efeitos positivos da principal tendência no varejo.

Investir na divulgação digital ajuda a aumentar vendas tanto virtuais quanto físicas. Duvida? Basta olhar a NRF Big Show, em Nova York, com as principais novidades do varejo do mundo. A edição de 2018 da feira abordou o uso de Inteligência Artificial, com robôs e algoritmos mais inteligentes e aplicados na experiência de compra do consumidor. A necessidade de investir em assistentes virtuais, automação de marketing e novas tecnologias deu o tom no evento.

A feira também abordou o poder do marketplace e relevância do omnichannel. Oferecer uma experiência integrada nunca foi tão importante.

Um exemplo é a sorveteria Museum Ice Cream. Cresceu com uma experiência divertida e inusitada do consumidor no ponto de venda e, hoje, é sucesso online. Já a Amaro, brasileira, começou online e, atualmente, é referência de experiência integrada com lojas físicas. Quando o cliente compra uma roupa no e-commerce, é possível trocar na loja, em coleta domiciliar ou correios. Não é demais?

A principal intenção em unir marketing online e offline é criar uma experiência sem emendas. O cliente deseja pesquisar online e comprar na loja física sem dificuldades, assim como espera excelente atendimento em todos os pontos.

O time de marketing tem que padronizar a comunicação, transmitir a mensagem certa e compreender que as compras não ocorrem em um só ponto. Varejo e clientes têm muito a ganhar com a integração. Quem compra tem maior poder de escolha, quem vende atinge um público mais amplo e reforça o alcance, do faturamento ao ticket médio.

Para empresários, o recado do mercado é claro: atualizem-se periodicamente, integrem canais e forneçam experiências memoráveis aos seus clientes. Conheça a jornada de compra do seu cliente ideal e ofereça um serviço "UAU", nos mínimos detalhes, para não cair na mesmice em um mercado tão volátil e concorrido.

Nos Estados Unidos e na Europa, muitas lojas já são ominichanel, enquanto ainda estamos aprendendo sobre o processo. Ou seja, existe muita oportunidade para empresários saírem na frente.

(31) 7101-1499

FONTE Creation 3
PRNewswire